Prazer justificado

Somos atraídos pelo prazer, pela satisfação, e somos repulsivos pela dor. Passamos constantemente por tentações e estas testam nosso real e habitual apreço por valores e crenças que defendemos. As exceções que abrimos – e tentamos justificar – em prol da experiência prazerosa nada mais são que massagens propositais ao nosso ego febril.

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s