Necessidade e ganância

Nunca ouvi um pobre dizer que deveria ser mais pobre. Nunca ouvi um rico dizer que deveria ser menos rico. Um diz isso por ambição, outro por ganância. Nós animais humanos, temos como princípio animal a ideia de que devemos exercer poder sobre as coisas, somos ambiciosos, queremos enquanto existimos mais prazer e menos dor. Talvez seja por esse motivo que o socialismo fracassa na pratica, pois ele nivela a vivência por necessidade, dando uma vida comum as pessoas, com poucas chances de serem riquíssimas. Já o capitalismo falha por aceitar o humano como um animal qualquer, joga tudo em uma meritocracia falaciosa e mantém o poder nas mãos de poucos enquanto muitos outros vivem suas vidas almejando, mesmo com uma chance mínima, serem ricas. Enquanto isso a visão de que os seres não são considerados iguais banaliza a vida e aceita a miséria, afinal uns ganham outros perdem, como numa selva, capitalismo, selvagem. O capitalismo em algum momento vai esgotar os recursos e terá que se limitar a necessidade como os ideais da revolução propõe, ou se reinventar e continuar a exploração e opressão da minoria que está no poder sobre todos os outros. Mas até quando a maioria que carrega a pirâmide se submeterá ao pensamento de servir de forma desleal ao invés de ter qualidade de vida? Será que as pessoas passarão a buscar um modo útil e relevante de viver, ao invés de optar pelo modo submisso, ilusório e confortável? Será mesmo que um modo baseado em não se preocupar com o que acontece ao seu redor na lutar para prosperar é tão melhor do que viver de uma forma mais razoável, justa e empática?

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s