Subjetividade dialética

Cada ser é um objeto inteligente, e cada objeto carrega em si uma realidade, desta forma há uma subjetividade perante todos os seres, ou seja, somos, cada um de nós, uma peça que carrega uma visão relativa. Os mais inteligentes são os que compreendem a linguagem, nesta categoria encontra-se o humano, que pode compreender as relações de uma forma profunda. Diante desta ideia os mais sábios são aqueles que sabem compreender as outras visões, mesmo que isso não seja possível de forma sensorial, e apenas por bom senso, entendendo formas de conexão visando o progresso, assim conclui-se que o seu diferencial racional está sendo utilizado e o seu meio modificado para melhor.

De certa forma um conector de realidades subjetivas de ótima eficácia é a dialética. A dialética tem por si sua fórmula de compreender a subjetividade diante do jogo dos opostos, ela faz um ser inteligente compreender os dois lados de um embate por meio do debate para assim criar uma conclusão que seja eficaz e lógica.

Anúncios

Um comentário em “Subjetividade dialética

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s