Contra o feminismo?

Vejo no dia a dia, seja frente a frente ou nas redes sociais, ódio ao movimento feminista, por parte das mulheres – que geralmente confundem feminismo com femismo – e por parte dos homens – porque este movimento priva-os de alguns privilégios. Um homem se colocar contra o feminismo é comum, mas ver uma mulher contra o feminismo, movimento que as libertou e as liberta do machismo, é o mesmo que ver negros a favor da escravidão, é absurdo. As mulheres que se colocam contra o feminismo geralmente o fazem porque o machismo já está tão arraigado culturalmente que elas simplesmente repetem o discurso anti-feminismo. A questão é: o feminismo mexe com o status quo e, portanto, incomoda. Muitas pessoas, em sua maioria homens, fazem de tudo para deslegitimar este movimento pautado em direitos iguais, usam falácias e manipulação de conceitos biológicos ou sociais, há um desespero para vencer o “debate” para que assim não percam sua condição que é melhor socialmente. É normal que isso aconteça quando temos relações de poder, durante a história isso ocorreu diversas vezes, sempre houve uma repulsa aos novos modos de viver, às novas conquistas sociais. A rejeição sempre revive e assim como em qualquer transição social haverá rejeição forte contra quem quer se libertar, e o feminismo é libertação e mantimento das conquistas a favor das mulheres diante da história pró-homem que as tentou calar definindo-as como segundo gênero. E para quem diz que o feminismo já conquistou tudo que tinha para conquistar está enganado, o mundo ainda precisa do feminismo, há ainda muitas mulheres sendo vistas como objeto. Dentre todos são poucos os que estão dispostos a serem mais com menos e por isso há toda essa revolta contra o movimento das mulheres, revolta que há de passar para que sejamos melhores.

Anúncios

Um comentário em “Contra o feminismo?

  1. Comecei a me questionar como poderia haver tantas pessoas contra o feminismo (e ainda mais, mulheres) quando eu tava sentada em uma calçada, de calça e regata, em plena luz do dia e passar cerca de uns vinte carros fazendo com que eu me sentisse desconfortável – seja com assobios, olhares intrusos etc. E isso obviamente não é um caso isolado, fato. Mas não, segundo algumas pessoas, aquilo é um elogio, não fruto dessa sociedade machista… Vai entender (não, pensando bem, melhor não entender, mesmo). Principalmente porque mulheres passam por isso todos os dias, elas deveriam compreender ao invés de boicotar tal movimento que também as defende, sem distinção.

    Curtido por 1 pessoa

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s