“Homens de bem”

Os “homens de bem” e sua falsa superioridade perante as mulheres subjugando-as.

Os “homens de bem” e seu falocentrismo ao romper seus contratos amorosos tendo suas amantes.

Os “homens de bem” e seu incentivo ao massacre animal com seus churrascos.

Os “homens de bem” e sua hipocrisia crítica aos vícios dos outros com sua cervejinha no copo.

Os “homens de bem” e seu desrespeito a orientação sexual dos outros com seus discursos homofóbicos.

Os “homens de bem” e sua corrupção diária profissional e residencial.

Os “homens de bem” e suas defesas tirânicas contra qualquer um que não seja “igual”.

Os “homens de bem” espalham o ódio. Talvez eles acabem se destruindo.

Eu que não quero fazer parte desse esteriótipo modelo de “homem de bem” que desumaniza o outro.

Que tal sermos a favor de uma liberdade menos abstrata e conservadora?

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s