Distúrbios alimentares, vícios em substâncias e suicídio: Críticas construtivas que não dependem da ética

A saúde dos indivíduos é um ideal. A maioria de nós queremos os indivíduos que gostamos, e os que não conhecemos, com saúde para que possam desfrutar de uma vida razoável e com bem-estar. Soa estranho alguém que não preza pela própria saúde. Diante disto temos milhões de livros e sites com conselhos de como ter e conservar a saúde plena. Milhares de críticas aos viciados, seja em drogas ilícitas ou lícitas, aos que comem de maneira desequilibrada, junk-food, dietas precárias, bulimia, visto que tais hábitos diminuem dessa forma sua saúde. É uma crítica construtiva ao indivíduo, mas nisto ele tem o poder de escolha e o direito de negá-la. Se ele tem consciência das consequências dos seus atos, o que pode-se fazer? Não é questão de ética, pois não envolve nada além delas mesmas.

O ponto é, a saúde do indivíduo não diz respeito a ninguém, é como a beleza, e se não afeta ninguém mais que ele próprio não há mal em optar por isso. A crítica construtiva é válida, para que ele possa mudar de ideia e prolongar sua longevidade, mas contente-se em aceitar o “não” das pessoas que não querem ser saudáveis, aqueles que são “feios” ou “sem saúde” para você e escolheram ser assim podem facilmente ignorar sua crítica, e com razão, pois isto independe de ética. Daí que qualquer pessoa que não tenha o ideal de saúde deve ser respeitada por isto, a não ser que isto envolva outros indivíduos, como é o caso de mercados ilegais ou mesmo consumo de animais, pois estes trazem consequências graves. Também há reclamações sobre os gastos públicos para o tratamento de doenças e outra crítica que é relevante é o uso das substâncias em excesso deixando pessoas fora de si, violentas, etc.

Ainda que prezemos por ela, a saúde não é uma regra. O suicídio lento ou instantâneo é sobre liberdade individual.

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s