Animal-humano

Por vezes conformo-me com a selvageria mundana que consome aqueles animais que se auto-nomearam humanos, noutros momentos clamo por ordem e justiça, é preciso reafirmar esta outra invenção destes mesmos humanos que não fazem-se dispostos a cumprir, senão a minoria.

Somos nada além de seres que lutam por conforto, mas que não sabem o que de fato é liberdade. A grande maioria de nós apega-se aquela falsa liberdade que limita a liberdade do outro, que permite a opressão, que nos faz melhores mas piora o alheio, é isso, alheamos outras vontades, subjugando-as, e isso revela nossa animalidade que odiamos ter apontada.

Somos meros egoístas, hipócritas e orgulhosos. E por isso estamos cheios de discursos, que apesar de esplendidos, carregam grande quantidade de vazio, provindos de sede de poder, traição ao que nos diferencia: a razão.

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s