Viver. Lutar. Mudar.

É um fardo saber que nem todas as pessoas vão se tornar veganas. É um fardo saber que nem todas as pessoas vão respeitar as mulheres, os negros, os deficientes, os homosexuais, os transexuais, os índigenas, os pobres, ou qualquer pessoa por uma condição que ela não escolheu ter. É um fardo saber que as pessoas colocam seus prazeres supérfluos acima dos interesses fundamentais dos outros. É um fardo saber que as pessoas são injustas e apoiam suas injustas escolhas na religião, na política, na cultura e assim pensam estar isentas da responsabilidade pelos seus atos. Elas confundem livre arbítrio com liberdade. Confundem seus anseios com ética. É um fardo saber que a consciência simplesmente não brota dentro das pessoas, e que as mudanças são lentas. É um fardo saber que tudo isso dura toda a existência e que vou apenas observar uma pequena melhora. Estar a par da realidade é cruel e agonizante. É um fardo.
Viver é um fardo.
Mas não, isso não quer dizer que a gente deve desistir. Alguém sem esperança tende a ser parte do problema, não da solução. É preciso lutar todos os dias. Incansavelmente, perseverar. Ser melhor. Aprender e ensinar. Em alguns dias chorar por tudo isso, em outros sorrir por ver que há quem valha a pena. Mudar para melhor e ajudar quem precisa de ajuda. Bater de frente. Dialogar e cobrar. Pedir desculpas quando errar. Chorar de novo. Rir de novo. Amar. Lutar. Sem isso a vida não é, a vida deixa de ser. E eu quero ser. E agradecer aqueles que vivem de verdade e não que só ostentam palavras e títulos mas não movem uma palha. Vamos juntos.
Lutar. Viver. Mudar.
Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s