Gênero

A explicação abaixo ofende muitas pessoas, mas pode ser dito como um fenômeno:

generoPessoas trans (que não se sentem bem com o sexo que nasceram) existem. Ou seja, o fenômeno do transgenerismo existe. Afirmar isto não é ideologia. Afirmar que essa condição não coloca em risco a vida de ninguém, além daquele que se sente assim, também não. Ideologia é afirmar que, por ser um fenômeno raro, o transgenerismo é uma aberração e deve ser combatido, pois ele viola alguma espécie de natureza do homem, da mulher e da família e pretende, portanto, uma subversão do tradicional. Também é ideologia afirmar que não existe sexo biológico. Impor religião é ideologia e negar a ciência também. Bom, nisso tudo vale lembrar que os religiosos são maioria e não os transgêneros, logo é possível saber quem tem sofrido mais e quem está em histeria coletiva fazendo caça as “bruxas” e tentando impor uma visão autoritária. E não, o mundo não se tornará um lugar formado majoritariamente por transexuais, mas pode ser um espaço onde eles consigam se sentir bem, basta que respeitemos. Devemos saber conviver com as diferenças mas sem negar os fatos, e também sem negar os direitos fundamentais, somos diferentes mas somos iguais.

Obs.: Se não gostamos de algo, seja por motivos religiosos ou outro sentimentalismo, e este algo não faz mal a ninguém pedir a proibição disto é autoritário.

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s