Aquele que têm poder tende a recusar a ética

A ética sempre precisa partir de pressupostos imparciais, casos semelhantes devem ser tratados de forma semelhante, e o poder – a hierarquização – implica muitas vezes em negação da imparcialidade. Diversas lógicas e ideologias são anti-éticas por serem exclusivistas, ou seja, separam seres por características únicas ou exclusivas, como é o caso do racismo, do sexismo, da homofobia, da transfobia, da xenofobia, da intolerância religiosa, do classismo, do capacitismo, do etarismo, do especismo e muitas outras formas de discriminação que visam a inferiorização do outro sem boas razões lógicas para tal, a não ser por mero egoísmo. Assim, as visões quem implicam em acumulo/manutenção do poder e subjugação do outro tendem a ser relacionadas com a falta de ético. Claro, há uma tendência inata em defendermos a nós mesmos e nossos grupos, mas esta tendência tem que ser limita pelo bom senso, não é porque gostamos mais de alguns grupos que podemos buscar a violência e oprimir outros, isso serve tanto humanos como para animais, pois todos tem interesse no bem-estar, e se negamos este bem-estar sem aplicar imparcialidade não estamos sendo éticos ou justos de fato.

Anúncios

Concorda, discorda, quer debater? Diga sua opinião.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s